Logo Cabeca Esportes

BIOGRAFIA - SAULO SILVA (CAMISA 9)

Data: 20-05-2020

Saulinho, natural de Patos de Minas, deu seus primeiros passos no futebol na Escolinha de Futebol do Biro Biro e depois na Escolinha de Futebol do Lindomar Botelho. Foram escolinhas que revelaram muitos talentos que até hoje brilham nos gramados da cidade. Dificilmente ao postar uma foto não desperte nostalgia em muitos que estiveram juntos no início da caminhada. As edições da Copa Ducks Guaraná Antarctica fez história em nosso futebol.
Em 2.000 foi em busca de realizar o sonho de ser jogador profissional, foi jogar no BOTAFOGO de Ribeirão Preto, lá permaneceu até o ano 2.003. Jogou em 03 Campeonatos Paulista da Primeira Divisão, uma Copa João Havelange - Brasileirão Serie A e uma Serie B.

O primeiro Campeonato Paulista 1ª Divisão que jogou (2.001) o Botafogo terminou como Vice-Campeão, perdeu a Final para o Corínthians após uma derrota em casa por 3x0 e um empate fora em 0x0. O primeiro campeonato Saulo ainda oscilava entre o time da categoria Sub-17 que disputava o estadual da categoria, onde era artilheiro com 12 gols, e o time principal. O Botafogo durante a Fase 1 empatou com o Palmeiras em 3x3, e venceu nos pênaltis por 3x1, na Rodada 1, a competição não permitia empate. Na sequência empatou em 2x2 e perdeu nos pênaltis por 4x3 para o São Caetano. Na Rodada 8 venceu o Santos por 2x1. Na Rodada 11 venceu o São Paulo por 2x1. O time classificou em 4º Lugar. Na Semifinal enfrentou a Ponte Preta, que já havia enfrentado na Fase 1 com empate em 1x1 e vitória por 3x2 nos pênaltis, nesta feita venceu em casa por 2x1 e empatou fora em 3x3 indo a Final contra o Corinthians.

No segundo semestre sempre integrava o elenco que disputava o Brasileirão Serie A, que usava o nome Copa João Havelange. A equipe acabou sendo rebaixada pra a Segunda Divisão. Apesar do descenso a equipe fez alguns bons jogos, sendo: Empate em 2x2 com o São Paulo, vitória por 1x0 contra o Flamengo em 25/08/2001, empate com o Vasco em 2x2 no Rio de Janeiro, e vitória fora de casa por 1x0 contra o São Caetano, que seria o futuro Vice-Campeão. 

Em 2.002, disputou o segundo Campeonato Paulista da 1ª Divisão pelo Botafogo, mas desta vez o time não conseguiu chegar a final da competição, terminou em 7º Lugar. O Campeonato não contou com o quarteto Corinthians, Palmeiras, Santos e São Paulo, que disputaram o Torneio Rio-São Paulo.

O segundo semestre foi de disputa do Brasileirão Serie B, usava o nome Copa João Havelange, e o time lutaria para retornar a 1ª Divisão que disputou em 2.001, mas não aconteceu, a equipe ficou em 22º Lugar entre 26 equipes participantes, e ainda foi rebaixado para a 3ª Divisão. 

Em 2.003, Saulo seguiu para o último Campeonato Paulista que disputaria vestindo a camisa do Botafogo, e o time não fez boa campanha, ficou em 6º Lugar no Grupo 3, não conseguindo a classificação para a Fase 2. Com o fim da competição, Saulo deixou o estado de São Paulo e rumou para o Sul, foi jogar em Santa Catarina vestindo a camisa do CRICIUMA, time tradicional no cenário nacional, pois foi Campeão da Copa do Brasil em 1.991 contra o Grêmio de Porto Alegre.

O Criciuma no Campeonato Brasileiro de 2.003 ficou em 14º Lugar entre as 24 equipes participantes. A estreia foi em 30/03/2003 com vitória sobre o Fluminense por 2x0. Na Rodada 3 empatou em 1x1 com o São Paulo. Na 11ª Rodada perdeu para o futuro Campeão Cruzeiro por 2x0. Na 12ª Rodada venceu o Internacional por 1x0. Na 13º Rodada venceu o clássico contra o Figueirense por 1x0. Na 17ª Rodada venceu o Atlético MG por 1x0. Na 20ª Rodada em 20/07/2003 vitória sobre o Flamengo por 4x3. Na 21ª Rodada em 24/07/2003 vitória sobre o Grêmio por 2x0 jogando em Porto Alegre. No segundo turno o Criciuma empatou com o Fluminense no Rio de Janeiro em 1x1. Na 29ª Rodada venceu o Atlético PR por 2x0. Na 31ª Rodada venceu o Corinthians por 1x0. Na 37ª Rodada vitória sobre o Vasco por 2x1. Na 40ª Rodada empate em 1x1 com o Atlético MG em Belo Horizonte.

Em 2.004, Saulo deixa o Sul e retorna ao estado de São Paulo para jogar no ITUANO. O Campeonato em disputa era o Paulistão da Primeira Divisão, e o Ituano fez uma campanha média com um 13º Lugar. A estreia foi contra o União São João com vitória por 2x1. Depois perdeu para Palmeiras por 1x0 fora de casa, perdeu para o São Caetano que seria o Campeão por 3x2 em casa, e ó último jogo, 11ª Rodada foi uma derrota para o Santos na Vila Belmiro por 2x1. Saulo lesionou e só voltou a jogar em 2.005.

Em 2.005, Saulo foi jogar no MAMORÉ de Patos de Minas, retornando a cidade natal, na disputa do Campeonato Mineiro Módulo I, mas o time não fez uma boa campanha e terminou rebaixado para o Módulo II. O Mamoré jogou o clássico com a URT e perdeu por 2x1 no Zama Maciel. Contra o Atlético/MG perdeu por 2x1 no estádio Waldomiro Pereira. O gol do Mamoré foi marcado por Saulo aos 42 minutos do primeiro tempo. Contra o Cruzeiro derrota por 3x0 no estádio do Mineirão. Após o fim da participação no Campeonato foi jogar no UBERLÂNDIA na disputa do Campeonato Mineiro do Módulo II. Na Fase 1 o time ficou atrás do Uberaba na classificação do Grupo. No Hexagonal Final o Uberlândia terminou em segundo lugar, sendo o Vice-Campeão. O Campeão foi o Democrata GV. A equipe fez a campanha: 08V 06E 04D. 

Em 2.006, Saulo foi para a URT disputar o Campeonato Mineiro Módulo I, mas a equipe fez uma péssima campanha e terminou rebaixado ao Módulo II. A equipe perdeu para o Atlético/MG por 3x2 em casa, venceu o América/MG em casa por 3x2 e perdeu no Mineirão para o Cruzeiro por 2x0. No segundo semestre foi jogar no SAMPAIO CORREA na disputa do Campeonato Maranhense da 1ª Divisão. No primeiro turno a equipe ficou em 2º Lugar atrás somente do Moto Clube, com o qual empatou em 1x1. No segundo turno a equipe ficou em 1º Lugar seguido de Imperatriz, equipe que venceu por 3x1 fora de casa. A Final foram nos dias 13 e 17/dezembro/2006. No primeiro jogo Moto Clube 1x1 Sampaio Correa, no segundo jogo Sampaio Correa 1x2 Moto Clube. 

Em 2.007 foi disputar o Campeonato Goiano da Primeira Divisão jogando pelo MINEIROS. A equipe encerrou a competição em 4º Lugar no Grupo B. No primeiro turno jogou contra o Atletico e empatou em 1x1 e perdeu para o Goias por 1x0. No segundo turno perdeu para o Atlético por 6x2 e venceu o Goiás por 2x0. No terceiro turno enfrentou o Vila Nova. Ainda em 2.007 Saulo foi disputar o Campeonato Cearene da 1ª Divisão jogando pelo UNICLINICA equipe classificou em 8º Lugar entre os 10 participantes. Jogando contra os dois grandes da capital, perdeu em casa para o Fortaleza por 2x1 e fora por 2x0. Contra o Ceará venceu por 2x1 e perdeu por 2x0. Venceu o Ferroviário fora por 1x0.

Em 2.008, Saulo passou pelo UBERABA no Campeonato Mineiro da 1ª Divisão, a equipe terminou em 9º Lugar e depois disputar o Campeonato Paulista Serie A2 pelo UNIÃO SÃO JOÃO, a equipe ficou em 8º Lugar na Fase 1 se classificando para a Fase 2, e por fim terminou em 3º Lugar no Grupo A.

Em 2.009, Saulo foi para a URT disputar o Módulo II do Campeonato Mineiro, a equipe terminou a competição em 8º Lugar entre 12 participantes, não conseguiu o acesso ao Módulo I, mas também não foi rebaixado. No segundo semestre foi jogar na UNITRI de Uberlândia na disputa da Segunda Divisão do Campeonato MineiroNa Fase 1 a equipe classificou em 2º Lugar ficando atrás somente do Mamoré no Grupo B. No Hexagonal Final a equipe encerrou a participação ficando em 4º Lugar, uma posição abaixo do grupo que conseguiu acesso ao Módulo II 2.010. O Mamoré na ocasião foi o Campeão e a Tombense o Vice.

Em 2.010, retornou a Patos de Minas para jogar no MAMORÉ na disputa do Campeonato Mineiro Módulo II, e a equipe na Fase 1 se classificou em 2º Lugar no Grupo A. Na Fase 2 o Mamoré terminou em 1º Lugar no Grupo C e disputou a Final contra o Guarani com vitória em casa por 2x1 e derrota fora por 3x0, o time retornaria ao Módulo I se não a punição por ter escalado jogador irregular.

No segundo semestre foi para o GUARANY de Sobral, voltando ao estado do Ceará, e fez parte do grupo que foi Campeão Brasileiro da Serie D. Em 2.011 disputou o Campeonato Cearense da Primeira Divisão. Em 2.010 o Guarany foi finalista dos dois turnos do estadural perdendo para Fortaleza e Ceará. A equipe terminou em 5º Lugar no 1º Turno ficando fora da Semifinal, no 2º Turno ficou em 4º Lugar e na Semifinal perdeu para o Ceará por 1x0. 
No 1º Turno perdeu para o Fortaleza por 2x1 e empatou com o Ceará em 2x2, no 2º Turno venceu o Fortaleza por 3x1 em casa e o Ceará 3x2 fora de casa. Também venceu o Ferroviário duas vezes por 2x1.
Em
2.012, Saulo passou pela TOMBENSE no início do Campeonato Mineiro Módulo II e seguiu para o GOYTACAZ da cidade de Campos no Rio de Janeiro para disputar a Segunda Divisão do Campeonato Carioca. Na Fase 1 o time ficou em 2º Lugar no Grupo B, ficando atrás do Sampaio Correa. Na Fase 2 ficou em 3º Lugar. No segundo semestre disputou a Copa Rio. Na Fase 1 a equipe classificou em 3º Lugar ficando atrás de Resende e Macaé no Grupo A. Na Fase 2 o time fez campanha irregular e ficou em 5º Lugar, o Resende e o Bangú, que depois seria Vice, passaram de fase. Em 2.013 o time ficou em 3º Lugar na Fase 1 e Fase 2 no Grupo B não conseguindo classificação. Na Copa Rio o time ficou em 3º Lugar no Grupo A, não conseguindo avançar de fase.

SAULO CONSIDERA QUE ENCERROU A CARREIRA COMO JOGADOR PROFISSIONAL EM 2.013 NO GOYTACAZ FC.
FORAM 14 ANOS JOGANDO, PASSANDO POR SÃO PAULO, SANTA CATARINA, MARANHÃO, MINAS GERAIS, GOIÁS, CEARÁ E RIO DE JANEIRO. 
Ressalva: Jogou no Rio Branco de Andradas em 2.005.
UMA HISTÓRIA IMPRESSIONANTE.

Autor: Clênio Vaz

Fonte: Saulo Silva e Google

Mais Fotos